Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.

Green Visa

Notícias
05 Abril 2019

No dia 11 de Janeiro de 2019 foi aprovado na generalidade em Reunião Plenária o Projecto de Lei nº1055/XIII/4ª, tendo em vista a expansão do “Golden Visa”.

O projecto visa a introdução de uma nova forma de investimento, assente em actividades de investimento em projectos ecológicos - os denominados “Green Visa”.

Os “Green Visa” permitiriam o acesso a autorizações de residência assentes em qualquer actividade exercida pessoalmente ou através de uma sociedade, durante um período mínimo de 5 anos, e num montante igual ou superior a 500 mil euros, em território nacional, que conduza, em regra, à concretização de, pelo menos, uma das seguintes condições:

  • Desenvolvimento e promoção da agricultura biológica não intensiva;
  • Reforço e contributo activo na implementação do “Roteiro para a Neutralidade Carbónica”, que assenta na necessidade de descarbonização profunda da economia portuguesa;
  • Criação de investimentos que incidam no autoconsumo baseado em energias provenientes de fontes renováveis, apresentando esses projectos elevados padrões de eficiência energética, e sendo obrigatório que o consumo provenha em 75% de fontes de energia renováveis;
  • Promoção e desenvolvimento do ecoturismo.

Esta nova categoria permitiria a cidadãos de países terceiros obter título de residência em Portugal investindo em projectos “verdes”, atraindo, assim, para o País investimentos ecológicos e sustentáveis orientados para a descarbonização da economia portuguesa, cujo compromisso foi assumido internacionalmente.

O Parlamento fez baixar à especialidade este Projecto de Lei.